Diferença entre ansiedade e depressão

PorSara Paiva

Diferença entre ansiedade e depressão

A diferença entre ansiedade e depressão é tão ténue que é difícil distinguir quando sofremos de depressão ou ansiedade. A verdade é que elas podem até estar sobrepostas, ou seja, viver juntas. De facto, em muitos casos, as pessoas com depressão sofrem também de ansiedade.

Elas também podem ser consequência uma da outra. Tanto a depressão é causada por quadros de ansiedade crónica graves, como a ansiedade é causada por quadros depressivos.

Por essa razão é essencial que o disgnóstico seja feito por um profissional qualificado para que efectue o tratamento correcto e adequado à sua condição.

Para tal, é necessário saber exactamente a diferença entre ansiedade e depressão.

diferença entre ansiedade e depressão

Ansiedade

Esta doença manifesta-se com sintomas quer psicológicos quer físicos. As pessoas que sofrem de ansiedade têm uma constante e excessiva preocupação quanto a situações futuras. Por estar sempre a pensar naquilo que poderá acontecer no futuro, a pessoa que sofre de um quadro grave de ansiedade não vive o presente. Este é marcado por uma contínua inquietação face ao futuro.

Em casos em que a ansiedade se mostra intensa, sem nenhuma causa associada, e de forma prolongada, geralmente há uma tendência para o isolamento. Isto porque as pessoas se sentem em perigo iminente.

No entanto, vale lembrar que a ansiedade é um sentimento que todos nós temos, mas em níveis normais, não intensos. A ansiedade é o nosso corpo que fica em estado de alerta, e ele é activado sempre que sentimos perigo.

Este problema pode manifestar-se de diferentes formas, como ansiedade social, ataques de pânico, agorafobia, perturbações obsessivo-compulsivas, e stress pós-traumático.

depressão

Depressão

A depressão é um estado de tristeza muito profundo e prolongado no tempo. Podemos dizer que é uma tristeza crónica e incapacitante, até porque a depressão é um transtorno que afecta todas as áreas da vida provada e pública.

Existem várias causas para o desenvolvimento de um quadro depressivo. Entre elas está a pré-disposição genética / familiar, tipo de personalidade introvertida, ou acontecimentos traumáticos (luto, por exemplo).

Algumas características também se mostram mais propensas ao desenvolvimento da depressão:

  • Mulheres
  • Excesso de peso
  • Vítimas de violência
  • Baixa auto-estima
  • Vítimas de acontecimentos traumáticos

Como detectar ansiedade e depressão?

Tanto a ansiedade como a depressão se manifestam de várias formas, com sintomas psicológicos e físicos.

Alguns dos sintomas mais comuns da ansiedade são:

  • Irritabilidade
  • Sensação de pânico ou medo sem razão
  • Insónias
  • Falta de concentração
  • Palpitações
  • Tonturas
  • Boca seca
  • Dificuldade a respirar

Geralmente a depressão apresenta um maior número de sintomas psíquicos, e não tanto sintomas físicos, apesar de também os apresentar. Os mais comuns são:

  • Tristeza profunda e constante
  • Culpa
  • Perda de interesse em coisas que antes lhe davam prazer
  • Fadiga
  • Falta de esperança
  • Falhas de memória e raciocínio mais lento
  • Falta de concentração
  • Baixa auto-estima
  • Perda / Aumento de peso
  • Variações no sono (a mais ou a menos)

Vale lembrar que quer a ansiedade quer a depressão causam vários transtornos na vida de quem sofre com esses problemas. No caso de suspeitar que sofre de algum deles, não hesite em procurar um profissional qualificado.

Sobre o autor

Sara Paiva editor

Deixar uma resposta